segunda-feira, 21 de março de 2011

A Lista de Oraçõe de Jerusalém – 17 de março de 2011

Por Joseph Shulam


O desastre horrível no Japão está sendo relatado por toda a mídia no Ocidente como um desastre de proporções Bíblicas. O quê significa “um desastre de proporções Bíblicas?” O que a mídia secular em todo o mundo quer dizer quando se usa este termo “proporções Bíblicas?” Bem, a única coisa que consigo pensar é o dilúvio nos dias de Noé, ou a catástrofe de Sodoma e Gomorra, ou o fim do mundo, à maneira como a Bíblia descreve. Como poderia a mídia ocidental realmente usar este termo “em proporções Bíblicas”, quando na verdade muitos nem sequer acreditam que estas histórias da Bíblia são reais ou verdadeiras? Bem, antes de tudo o que vemos em fotos e vídeos são forças que D-us pode exercer na natureza. Vemos as fotos e ficamos cheios de espanto, com medo e empatia para com a nação Japonesa, e todos nós percebemos que a única coisa que podemos fazer é realmente levantar nossas mãos em oração e pedir a D-us para mostrar a Sua misericórdia para com o povo Japonês. Temos muitos queridos irmãos e irmãs no Japão e devemos orar por eles, pedindo ao Senhor para proteger e salvá-los, e a todo o Japão, de qualquer dano e prejuízo. Também peço a vocês que orem pelo Pastor Takashi Yokoyama, que morava em Sendai e tinha negócios lá. Eu creio que ele está vivo, mas não sabemos muito sobre sua casa, seus negócios e sua família. O mínimo que podemos fazer é apresentar o Japão perante o Senhor em oração e confiar em D-us para provar e mostrar a Sua misericórdia e graça a todo o Japão. Oramos para que as autoridades tenham sabedoria no encerramento das instalações nucleares em Fukushima. Nós oramos e pedimos a D-us por soluções para as centenas de milhares de refugiados cujas vidas foram lançadas ao vazio desde o minuto em que o terremoto e o tsunami ocorreram. Nós oramos por aqueles que sofrem por seus parentes perdidos e mortos no Japão. Oramos por aqueles à procura de sobreviventes e aqueles que estão trabalhando nas instalações nucleares, para serem protegidos de qualquer mal. Oramos por nossos irmãos e irmãs em Tokio, por proteção e orientação do Espírito Santo, para saber como testemunharem e confortarem seus parentes e amigos com a Boa Nova de D-us e Yeshua, o Messias.

Também oramos por um mundo enlouquecido em todos os países árabes. Os eventos que têm acontecido lá não são bons para ninguém, especialmente para eles. Eu não sei como orar especificamente, mas eu sei que a antiga oração que os Judeus oram chamado “Kadish” termina com as seguintes palavras: “Que AQUELE que faz a paz nos céus faça Sua paz sobre nós e sobre todo o Israel.” Peço-lhes que façam a mesma oração comigo e com todos os de Israel. Como discípulos de Yeshua, devemos orar pela paz; a paz com os nossos inimigos, a paz entre nossos irmãos, a paz em nossas famílias, a paz nas nossas comunidades, e paz como nosso D-us.

No Netivyah estamos nos preparando para Purim. Nossa festa de Purim será na noite de domingo. Purim em Jerusalém vem um dia depois de Purim em grande parte do mundo, porque Jerusalém é uma cidade murada. Assim, comemoramos Purim um dia depois de Tel-Aviv e da maioria das outras cidades. A Páscoa é um mês depois de Purim e já estamos nos preparando para abençoar os soldados que são crentes em Yeshua com um presente maravilhoso de Páscoa. Temos mochilas maravilhosas e resistentes para cada um, e encheremos essas mochilas com guloseimas e itens necessários que estes soldados precisam no exército e com o tipo de comida especial para a Páscoa. Esta iniciativa veio de Yuda e de Nancy Hook, que trabalha na cozinha do sopão. Cada uma destas mochilas cheias de guloseimas para esses soldados vai custar 100 dólares Americanos. Se você que fazer parte destas bênçãos especiais para esses jovens irmãos e irmãs que estão servindo nas Forças Armadas, e da bênção do nosso país e da comunidade, por favor vá à nossa página na web e você pode usar o PayPal para fazer uma doação, especialmente para este projeto.


Já temos dezenas de pedidos para o novo livro, “Plantados na Casa do Senhor D-us. D-us de Israel e da Igreja.” Finalmente, o livro já está nas impressoras!

Por favor, orem pela re-publicação dos Comentários sobre Romanos e Atos que precisam ser reeditados e reimpressos. Na verdade, estamos em negociações com uma editora americana, mas parece que no final vamos ter que reimprimir os livros em Israel. O custo da impressão em Israel é maior, mas receberemos mais “royalties” para cada livro. Por favor, orem por sabedoria e também pelos fundos necessários para imprimir os livros. Sei, através de inúmeros estudiosos e pregadores e estudantes de todo o mundo, que esses comentários são únicos e têm um grande impacto sobre a compreensão e também a vida espiritual de muitos em todo o mundo. Eu sei que as pessoas estão usando estes comentários em universidades e seminários em vários lugares ao redor do mundo e vale a pena eles serem republicados. Para imprimir 1000 cópias do comentário sobre as raízes Judaicas do livro de Atos, nós precisamos de quase 20 mil dólares. Estamos falando de uma obra de dois volumes com 1800 páginas e em capa dura. O livro de Romanos vai custar cerca de metade do que o livro de Atos vai custar para impressão. Por favor, orem por esse projeto, porque esses livros continuarão a abençoar e influenciar, muitos anos depois que Joseph Shulam estará muito longe da face da Terra.

Por favor, orem também pelos Estados Unidos e a guerra de Israel contra o terrorismo islâmico extremista do mundo inteiro. Os olhos do mundo precisam ser abertos pela captura do navio Vitória que levava armas do Irã para Gaza, para armar o Hamas, com uma nova geração de mísseis guiados de terra em terra. A captura foi depois que terroristas do território palestino controlado entraram em uma casa Judaica tranqüila, na noite de sexta-feira, e realmente mataram uma família, cortando a garganta de um bebê de três meses e outras duas crianças pequenas, a mãe e o pai. Cinco pessoas foram assassinadas com facas, cortadas em pedaços, por uma única razão: eles era Judeus! A maior parte do mundo ficou bem calada, não disse nada, não protestou, não houve manchetes proclamando a horrível crueldade e desumanidade dos terroristas palestinos, não houve sugestão para levar a liderança palestina a julgamento em frente ao tribunal internacional por crimes contra a humanidade. Não houve absolutamente nada disso! Onde estavam todos esses combatentes pró-humanistas que condenaram Israel por impedir estes navios cheios de terroristas navegassem para Gaza? Tudo o que o mundo livre tem que fazer é abrir os olhos, e ver o que os mulçumanos estão fazendo a outros mulçumanos, para saber com quem estão lidando, e onde realmente se encontra a verdadeira fonte do problema. Precisamos orar por todos aqueles ao redor do mundo que querem combater o terrorismo, para que possam olhar e ver, e receber a verdadeira sabedoria de D-us em como amar o povo árabe o suficiente para abençoá-los e capacitá-los a serem libertos da ilusão de que os terroristas vencerão no final. O D-us de Israel não vai permitir a mentira, o engano, e a crueldade, como os terroristas têm perpetrado em todo o mundo, vençam no final. O terrorismo tem provado ser na história, antes de mais nada, um flagelo contra aqueles que o promovem, financiam, e incentivam. Vocês podem ver isso muito bem agora com Muammar Gaddafi, na Líbia, como viram com Saddam Hussein, no Iraque. Por favor, orem por essas grandes coisas porque o nosso D-us é poderoso e capaz de mudar a maneira como este mundo gira, e Ele pode fazer isso em um minuto.

A Radio Kol HaYeshua continua a ser transmitida todos os dias e os programas são muito bons, mas eu sinto que precisamos de uma renovação da unção do Espírito de D-us. Precisamos do refrigério que tínhamos antes, e da alegria de ensino, de apresentação, e de divulgação que tínhamos antes. Peço-lhes que orem por Kol Há Yeshua, por Saul, e Udi, Yuri, Einav, Aviram, e Joseph. Todos nós precisamos de uma unção fresca e um novo fogo do Espírito Santo para alcançar e ensinar Israel com as Boas Novas.

Continuamos a orar pelos doentes entre nós. Oramos por Ahuva, Liora, Leah, Ilana, Sarit, Marcia e David Stern, David e Meyrav, todos de Jerusalém. Oramos por Ruby, nossa querida irmã de Oklahoma, e por Paulo, de Curitiba, e pelo pai de Marcia, Horace, e sua mãe June, e por Tim Tucker, nosso querido irmão, e por nossa querida irmã Liz, na Geórgia.

Eu abençôo a todos vocês com um feliz Purim. Sugiro que todos vocês e assentem e leiam o livro de Ester juntos. Que vocês sejam incentivados a partir dos eventos de suas próprias vidas que às vezes não têm uma explicação ou razão.

D-us abençoe sua vida e seu trabalho no Seu Reino,

Joseph Shulam