segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Trump saúda Israel como "farol de esperança"


O presidente eleito dos Estados Unidos saudou esta sexta-feira Israel como "um farol de esperança para inúmeras pessoas", na sua primeira mensagem ao Estado judeu desde a vitória nas eleições de terça-feira.
"Israel e a América partilham tantos valores como a liberdade de expressão, liberdade de religião e a importância de criar oportunidades para todos os cidadãos irem atrás dos seus sonhos", afirmou Donald Trump, numa mensagem publicada pelo jornal israelita Hayom.
Trump afirmou que "Israel é a verdadeira democracia, o defensor dos direitos humanos no Médio Oriente e um farol de esperança para inúmeras pessoas".
Acrescentou que depois de assumir o cargo, pretende que a sua administração desempenhe "um papel significativo para ajudar as partes a atingir uma paz justa e duradoura" no conflito entre Israel e os palestinianos.
França tem apelado à realização de uma conferência internacional para discutir a paz no Médio Oriente, mas Israel defende que quaisquer conversações devem envolver apenas os dois lados do conflito.
Os palestinianos apelaram ao envolvimento internacional, acusando Israel de denunciar acordos passados.
O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, foi um dos primeiros líderes mundiais com quem Trump falou depois de ganhar as eleições.

A direita israelita saudou a vitória de Trump como uma oportunidade de consolidar o controlo sobre a Cisjordânia.
Fonte: Jornal de Notícias