segunda-feira, 25 de junho de 2012

Lista de Oração de Jerusalém, 22 de junho, 2012


Por Joseph Shulam

Tenho ensinado há mais de duas semanas na Finlândia, em Nova Jersey, Nova York, e agora em Springfield, Virgínia. Desenvolvi um tema principal para este Verão como faço todos os anos, mas este ano ele é baseado nos primeiros capítulos de Gênesis. Os rabinos dizem que se alguém pudesse entender os quatro primeiros capítulos de Gênesis poderia desvendar os segredos do universo. Isso pode ser uma hipérbole clássica rabínica, todavia esses capítulos têm algumas das questões fundamentais que a humanidade enfrenta até hoje. Apenas algumas idéias que surgem a partir de uma análise mais profunda do primeiro versículo de Gênesis:
1)  O mundo tem um começo. Portanto, ele tem um principiante. Por isso, tem um mestre, um proprietário.
2)      Qualquer coisa que tenha um começo é muito provável que tenha também um fim. Nosso mundo não é perpétuo ou um mundo auto-iniciado.
3)      Não só a terra é criação de Deus, mas também todo o sistema solar (o sol, a lua, e as estrelas).
4)      Nada é acidental na criação de Deus. Tudo tem a sua finalidade de acordo com o plano de Deus. Este princípio é verdadeiro desde a menor célula ou ameba ao maior dos animais que andam ou nadam na face desta terra.
5)      Deus criou o homem e a mulher, e Ele não comete erros.
6)      O homem pode vencer o pecado e controlá-lo, se quiser ter vitória sobre ele. (Veja Gen 4:4-9)
7)      A primeira instituição que Deus criou foi o casamento entre um homem e uma mulher. Esta é a célula mais elementar da sociedade humana.
8)    O pecado sempre tem conseqüência mesmo em um mundo onde a misericórdia de Deus é estendida. A misericórdia de Deus é vista na história de Gênesis em seu trato com Adão e Eva, em seu trato com Caim, e em seu trato com Noé e sua família.
9)      O homem foi criado para trabalhar e cuidar do mundo de Deus, mesmo antes das punições após o pecado de Adão e Eva. (Veja Gênesis 2:15)
10)   Deus estabeleceu a ordem dos tempos e as estações de acordo com o Seu plano da criação que é de seis dias para trabalhar e descansar no sétimo.

Todos os itens acima e muito mais são alguns dos pontos que aprendo e ensino nos primeiros capítulos de Gênesis. Até agora, esses ensinamentos foram muito bem sucedidos na Finlândia, em Nova Jersey, em Nova York, e agora na Virgínia. Peço-lhes que orem por este verão. Estou viajando desde o dia 04 de junho e ainda tenho muitas milhas a percorrer. Oro pela bênção do Senhor sobre esta viagem, porque embora eu não esteja pedindo dinheiro diretamente e apenas fazendo o meu melhor no ensino da Palavra de Deus, estou pedindo ao Senhor para tocar o coração de alguém para contribuir com uma oferta financeira significativa para o projeto de construção em Jerusalém. Sei que Deus tem abençoado o Seu povo com a capacidade de fazer grandes coisas por Jerusalém, e sei que agora mesmo Ele está batendo no coração de alguém para fazer algo grande pelo Reino e por Jerusalém.

Por favor, continuem orando pelo projeto de construção. O progresso é semanal e o tempo que precisamos para iniciar está se aproximando rapidamente. Há um limite de tempo para as licenças de construção. Temos um ano a partir da data do recebimento das licenças de construção para começar a construir e temos dois anos para terminar o prédio.

Continuem orando pelas pessoas que estão doentes e precisam da cura de Deus. A lista é a mesma da semana passada: Ahuva, Leah, Ilana, Sarit, Sara, Zvi, Tatiana, Neria, Márcia, Tim Tucker, Ishiida San, Tomoko San, Sadako San, Liz na Géorgia, e Paulo. Precisamos orar especialmente por Udi por uma cirurgia bem sucedida na próxima semana e por cura.

Devemos orar também por Ruby, pois sua mãe faleceu na semana passada com a idade de 101 anos. É sempre difícil quando parentes próximos partem e Ruby precisa de nossas orações e também de um milagre de cura do Senhor. Por favor, continuem a orar por todos os irmãos enfermos de nossa lista e de sua lista particular também.

Por favor, continuem a orar também por Danah, Márcia e Noaam, que estão na Califórnia e que necessitam de uma bênção de Deus para poderem enfrentar as lutas sendo fortalecidas por Ele e que tenham trabalho e os recursos que elas precisam para viver uma vida plena e frutífera no Senhor. Márcia está hospedada na Califórnia onde ficará o verão inteiro para ajudar Danah e Noaam. Ela precisa ser fortalecida física e emocionalmente para ter condições de ajudar nossas maravilhosas filha e neta durante este verão.  Se o Senhor quiser estarei com elas em julho por um curto período de tempo e estaremos juntos novamente em agosto antes de eu voar para o Brasil e Espanha. 

No Brasil, vamos inaugurar o primeiro museu da Inquisição nas Américas. A Inquisição Espanhola e a Portuguesa são um ponto escuro na história da Europa e das Américas e especialmente negro para a Igreja Católica, embora depois dos últimos dois séculos, os protestantes também não são exatamente como “fada madrinha”. Este é um evento importante e precisamos de sua oração e apoio para este Museu, porque Marcelo colocou a maior parte do dinheiro para esse mega projeto de recursos próprios. Se você quiser contribuir para este museu você pode acessar o nosso site www.anussim.org.br 

Bem, tenho que me levantar e ir ensinar novamente. Por favor, orem por mim e por minha família, e pelo trabalho do Netivyah em Jerusalém, por Yuda, Daniel, Oleg, Ludmila, Ana, e todos os que estão trabalhando no ministério Netivyah para o Reino de Deus. Além disso, orem pela Congregação Roeh Israel neste tempo – precisamos das mãos misericordiosas de Deus para tocar em todos nós.

Que Deus abençoe a todos,

Joseph Shulam

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Lista de Oração de Jerusalém, 17 de junho, 2012


por Joseph Shulam

Esta vai ser uma breve lista de oração. Estive na Finlândia e agora estou em Nova Jersey. Os irmãos têm sido maravilhosos e têm recebido o ensino com alegria. O Senhor trabalha e o outro lado trabalha também e, normalmente, os ataques vêm sobre as pessoas que são mais próximas a você. Precisamos das vossas orações de intercessão pela família Shulam, rogando a Deus por saúde e bênçãos na forma de trabalho. Orem por minha filha Danah, para que portas e até mesmo janelas de trabalho sejam abertas, e por uma profunda cura para ela.

Orem também por Ruby, sua mãe faleceu na semana passada com a idade de 101 anos. É sempre difícil quando parentes próximos partem e Ruby precisa de nossas orações e também de um milagre de cura do Senhor. Por favor, continuem a orar por todos os irmãos doentes nesta lista e na sua lista particular também. Aqui está a minha lista: Ahuva, Leah, Ilana, Sarit, Sara, Zvi. Tatiana, Neria, Márcia, Tim Tucker, Ruby, Ishiida San, Tomoko San, Sadako San, Liz na Géorgia, e Paulo. Precisamos orar especialmente por Udi nesta próxima semana por uma cirurgia bem sucedida e cura.

O projeto de construção está progredindo e já estamos vendo o início da construção no futuro próximo. Precisamos de vocês, queridos irmãos para orar e orar ao Senhor pela provisão dos fundos necessários para este projeto de construção tão importante. Ouvi dizer que ontem, no Shabat, havia uma multidão no edifício que não havia espaço para mais cadeiras e pelo menos um grupo de convidados foi solicitado a não vir porque simplesmente não havia mais lugar. Precisamos do edifício para expandir e para que possamos orar e louvar ao Deus de Abraão, Isaac e Jacó. Estamos orando por um milagre e sabemos que Deus tem um para nós. Ele vai colocar no coração das pessoas o desejo de fazer o que devem por Jerusalém.

Minha agenda de viagens está cheia e ficando mais cheia o tempo todo. Preciso de suas orações também por Márcia que estará a maior parte do tempo na Califórnia ajudando a cuidar de Noaam e que será uma grande ajuda para Danah durante o verão. Todas elas precisam de suas orações.

Acabei de falar com o escritório do Netivyah em Jerusalém e ouvi dizer entramos agora no próximo grande passo na preparação para o início da construção do edifício e o progresso está acelerado.

Deus abençoe a todos vocês e agradeço a todos por seu apoio, suas orações por mim, pelo Netivyah, e por minha família. Estes são dias muito difíceis e precisamos da cura de Deus e de sua cerca em torno da família Shulam para proteção.

Obrigado queridos irmãos por estarem conosco e com Jerusalém e Israel, e acima de tudo por se levantarem pela causa de Yeshua, nosso Salvador, Mestre, Rei e Senhor.

Joseph Shulam

domingo, 3 de junho de 2012


ALERTA!

Você consultaria com um médico que não tem registro no CRM? Contrataria um advogado que não é reconhecido pela OAB? Por que então muitas pessoas acreditam quando alguém surge do nada se dizendo “rabino messiânico” ou “rosh” e abre um trabalho supostamente “judaico-messiânico”? Por que não checam as referências, as credenciais, as ordenações e por quem tal trabalho é reconhecido? Por mais recente que o movimento judaico-messiânico seja no Brasil, há sempre a responsabilidade de se atestar as referências de qualquer trabalho que se auto-intitule “Judaico-Messiânico”. Podemos ainda ser poucos em Israel e no mundo, mas nos conhecemos mutuamente e tentamos nos unir apesar das diversidades. Para isso, existem organizações nos EUA, Europa e ISRAEL que atestam a seriedade e a LEGITIMIDADE de qualquer trabalho judaico-messiânico ao redor do mundo. Se um trabalho se auto-intitula Judaico-Messiânico, mas não é reconhecido nem conhecido por nenhuma organização judaico-messiânica séria e idônea, nem por nenhum líder judeu-messiânico de prestígio, já temos um PÉSSIMO sinal que há algo errado…
Se algum grupo ou indivíduo se diz “judeu-messiânico”, está automaticamente (consciente ou inconscientemente) dizendo fazer parte de um movimento presente em vários países, incluindo Brasil e ISRAEL. Neste movimento, há centenas de congregações e dezenas de organizações que, apesar de não concordarem doutrinariamente em tudo, se conhecem mutuamente e se responsabilizam uns pelos outros. Isso ocorre pois no judaísmo (seja messiânico ou não), há uma premissa maior que acatamos: “Col Israel areví ze le ze” – ou seja, Todo o Israel é responsável uns pelos outros. Não concordamos em tudo, mas fazemos parte de um mesmo mover profético e temos que nos esforçar para trabalhar juntos apesar das diferenças. Criar um grupo “judaico-messiânico” sem nunca ter sido discipulado por outros judeus messiânicos, sem ter tido contato algum com outra congregação judaico-messiânica, sem buscar relacionamento com outros grupos de judeus messiânicos (mais antigos e mais experientes), acarreta em um isolamento.
A UMJC, MJAA, Tikkun, Jewish Voice, Netivyah, e outras, não representam ‘a única verdade ou vertente’ no movimento judaico-Messiânico. Estas organizações são todas sérias e idôneas, mas divergem entre si em vários aspectos doutrinários. Porém, TODAS se reconhecem e se ajudam mutuamente. É por isso que atualmente elas ajudam a delimitar a legitimidade de um trabalho judaico-messiânico. Mesmo que uma congregação não seja filiada a nenhuma organização, é fundamental que ela tenha contato ou aval de líderes judeus-messiânicos de reputação comprovada dentro do movimento. Era assim na época dos apóstolos, e é assim até os dias de hoje nos meios judaicos. Qualquer pessoa que se identificasse como ‘apóstolo’ nos dias do 1º século, deveria possuir o aval do presbitério de Jerusalém. Qualquer congregação que surgisse como autêntica naqueles dias, deveria ter algum vínculo com os apóstolos em Jerusalém para ser considerada ‘kasher’ em relação à doutrina e à prática. Com o judaísmo atual é a mesma coisa: uma sinagoga que não é reconhecida por nenhuma instituição judaica (seja ortodoxa, reformista ou conservadora), não é uma sinagoga legítima. Da mesma forma, uma Congregação Judaico-messiânica que é alheia ao movimento judaico messiânico no Brasil e no mundo, que não se relaciona e que não é conhecida nem reconhecida por nenhuma organização ou líder que seja autoridade dentro do movimento, não pode ser uma congregação autêntica.

Ministério Ensinando de Sião – BRASIL usa suas referências com o único e específico propósito de dar segurança e tranquilidade às pessoas que nos procuram e desejam saber mais a nosso respeito e a respeito do Movimento Judaico-Messiânico no Brasil e no mundo. Há muitos falsos profetas em nossos dias, falsos judeus e falsas congregações Judaico-Messiânicas que não são reconhecidas por nenhum outro grupo judaico-messiânico no mundo e que têm trazido grande confusão e divisão tanto nos meios judaicos tradicionais como nos meios cristãos evangélicos. Você confiaria em um trabalho assim? Analise nossos frutos, as pessoas que conosco andam e nosso legado e história no Brasil, ISRAEL e EUA. Aprendam a discernir quem é quem no verdadeiro movimento Judaico-Messiânico mundial, pois há muitos que tentam tirar proveito da ignorância das pessoas para disseminarem suas falsas doutrinas e estranhezas em relação ao judaísmo e ao ensino de Yeshua e dos Apóstolos. Se não são reconhecidos nem conhecidos por NINGUÉM sério, é porque existem razões doutrinárias e comportamentais importantes para tal. Não seja enganado!
Para saber o que é e o que não é o Ministério Ensinando de Sião, clique aqui.
Para conhecer mais sobre o Conselho das Congregações Judaico-Messiânicas do Brasil, clique aqui.
Para conhecer as doutrinas estranhas que supostos “judeus-messiânicos” têm difundido em alguns estados brasileiros, clique aqui.

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Lista de Oração - Jerusalém, 01 de maio de 2012


Por Joseph Shulam

Estamos freneticamente nos preparando para uma longa viagem. Se o Senhor permitir, estarei voando para a Finlândia por dez dias de reuniões e palestras e de lá para os Estados Unidos. Nos Estados Unidos, vou começar visitando uma igreja em Nova Jersey e Long Island, e de lá irei para a área de Washington DC também para ensinar em duas igrejas, e em seguida para o Tennessee e para Valdosta, Geórgia. Depois da Geórgia, irei para a Califórnia e de lá para Dallas, Texas, antes de retornar a Israel. Márcia estará voando diretamente para a Califórnia e de lá para o Tennessee e volta para a Califórnia. Pedimos a todos que orem por nós para que tenhamos uma viagem segura. A tarefa que temos diante de nós é enorme. Somente pelo poder de Deus ela poderá ser realizada. Precisamos levantar mais de um milhão e meio de dólares para a construção. Precisamos organizar alguns banquetes no Nordeste dos Estados Unidos e no Tennessee e pode ser que também no Texas e na Califórnia. Esses banquetes não são apenas para captação de recursos, mas são principalmente para despertar as pessoas que se preocupam com o que está acontecendo no Oriente Médio para entender essas preocupações a partir de uma perspectiva Bíblica e começar a fazer alguma coisa, tanto na esfera celestial como na terrestre. Estou temeroso de que a constante "dieta de algodão doce" e palavras suaves que os cristãos estão sendo alimentados na maioria das igrejas evangélicas estejam dessensibilizando a sua consciência e colocando suas mentes para dormir. Esta é uma espécie de desarmamento da igreja ao enfrentar os desafios do inimigo. De um modo geral a IGREJA internacionalmente não está preparada para enfrentar a invasão do Islã que está a um passo da porta cristã. A solução para a luta de sobrevivência do cristianismo é dupla: um estudo sério da Palavra de Deus com polêmicas em mente, e uma dedicação tal como a de qualquer mulçumano que está disposto a dar sua vida por sua fé, quando estão dispostos a explodirem-se como em  um bombardeio suicida. Não estou de  forma alguma defendendo terroristas suicidas cristãos! O que estou dizendo é que os cristãos devem ter esse tipo de forte convicção e determinação que pode mover montanhas! Acredito que para a igreja ter esses dois ingredientes isto só pode acontecer fora do âmbito normal da igreja evangélica regular. Tem que acontecer por indivíduos que se sentem chamados por Deus para fazer o extraordinário com uma medida extraordinária de dedicação e fé profunda. Por favor, orem pelo ensino que devo estar realizando na Finlândia e nos Estados Unidos. Os principais textos que estarei usando virão do Livro de Gênesis. Os rabinos dizem que, se alguém puder compreender os quatro primeiros capítulos de Gênesis, será capaz de desvendar os segredos do Universo. Eu quero usar dez lições que devemos aprender com o livro de Gênesis que mudará sua vida. Na maioria das igrejas o livro de Gênesis é material para as aulas das crianças na escola dominical, e isso é bom, mas ao mesmo tempo, o livro de Gênesis não é “leite”- “é fígado e bife e um monte de moelas”. Com a ajuda de Deus e a orientação do Espírito Santo espero chegar à carne e ao bife de Gênesis e serví-los bem àqueles que têm dentes, e querem mastigar. 

O Netivyah tem que efetuar um pagamento muito alto à cidade de Jerusalém para a licença de construção (perto de 100.000 dólares) no início da próxima semana. Temos esses fundos graças a muitos de vocês que enviaram ofertas de 1.000 dólares para a construção e outros. Eu apenas estou lhe informando isto para que você saiba como orar enquanto estamos nos aproximando da luz verde e do soar do gongo para o início da construção em breve. Necessitamos de suas orações e da provisão de Deus através de pessoas boas que querem ver a reconstrução espiritual de Jerusalém e não apenas a física. São muitos os chamados “cristãos sionistas” que contribuem com muitos milhões para a reconstrução de Israel fisicamente e politicamente, mas apenas alguns que estão dispostos a dar sacrificialmente em prol da edificação do lado espiritual das coisas em Israel. Peço-vos que orem pela restauração de Israel em todos os aspectos da vida: corpo, espírito e alma. Para contribuir com nosso projeto, clique aqui. 

Peço-vos que orem pelos cristãos na Síria e no Egito. Os noticiários não estão relatando especificamente o que está acontecendo aos cristãos nestes países. O cenário político está sendo bem coberto pela mídia, mas os incêndios em igrejas e a perseguição aos cristãos nestes países árabes não estão sendo noticiados. Nunca foi fácil ser cristão no Egito! Sempre foi muito duro e difícil e mesmo durante os regimes de Saadat e Mubarak era proibido aos cristãos construir ou remodelar os prédios de suas igrejas, mas agora que a irmandade mulçumana está prestes a assumir o poder os cristãos estão muito temerosos do que os aguarda. Na Síria os cristãos estão se escondendo da ira de ambos os lados, do governo e dos exércitos rebeldes e até mesmo de seus próprios vizinhos. Precisamos orar para que o que está acontecendo neste assim chamado, “Primavera árabe” não se transforme em um pesadelo para o que resta do cristianismo nos países árabes. Eu realmente acredito que em todos os países os cristãos e os justos podem preservar a nação e a cidade. Assim como Sodoma, se Deus tivesse encontrado 10 homens justos lá, a cidade não teria sido destruída. Ser sal é ser um conservante, e é isso que somos chamados a ser em nossas cidades e comunidades. Vamos orar pelos cristãos que sofrem terrível perseguição nos países árabes e também na Nigéria e em outros países com uma maioria de população mulçumana.

Continuamos a orar pelos enfermos e feridos. Nossa irmã Luciana de Belo Horizonte e seu pai Dr. Valadares, ambos foram envolvidos em acidentes de trânsito no mês passado. Eles estão se recuperando bem, mas ainda precisamos orar por eles.

Peço-lhes que orem por Udi nosso querido irmão que está trabalhando conosco no Netivyah. Ele tem que se submeter a uma cirurgia em condição séria na próxima semana. Precisamos pedir a Deus a sua cura, rápida recuperação e volta ao trabalho.

Continuamos a orar por Ruby em Oklahoma City, Tim Tucker, na Finlândia, o Sr. e a Sra. Ishiida e a Sra. Sadako no Japão, e Paulo no Brasil. Em Israel, precisamos orar por Ahuva, Leah, Ilana, Zvi, Sara, Miriam, Sarit, Márcia, David S., David e Zvi e D. Bathsheva.

Precisamos orar pelas seguintes pessoas para conseguir emprego e poderem se sustentar e à congregação: Noé, Laural, Jonathan, David Levi, Alex, e Judith.

Precisamos orar pelo primeiro museu dos Anussim na América do Sul que o nosso irmão Marcelo de Belo Horizonte está construindo. Este é um projeto muito grande e tem algumas implicações muito importantes para todo o Corpo do Messias na América do Sul, e não somente lá, mas também em Israel. Por favor, orem por uma bênção especial sobre o Marcelo e sua família e a congregação Har Tzion em Belo Horizonte. O Marcelo é um desses homens que não pára de sonhar e trabalhar pela restauração da igreja e pela volta do povo judeu ao seu lugar de direito no Reino de Deus. Saibam mais no: www.anussim.org.br 

Por favor, orem pelo pessoal do Netivyah e da congregação Roeh Israel. Estarei fora, é verão, então outros também estarão viajando. Precisamos de uma unção especial sobre os jovens líderes do Netivyah e da congregação. Oro diariamente para que Deus dê à geração mais jovem de líderes muita “savlanut” – paciência e perseverança, e também sabedoria.

Que o Senhor abençoe a todos vocês que oram por nós e pela salvação de Israel e que se sacrificam pelo Reino de Deus aqui na terra.

Obrigado queridos irmãos que estão conosco abençoando Jerusalém e a obra do Reino que estamos realizando juntos. 

Joseph Shulam